quinta-feira, 23 de abril de 2009

Pinto da Costa

Este boneco e o texto que segue de seguida já têm quase 3 anos mas espantosamente está tudo actual. O Pinto da Costa está aí para as curvas. É uma figura estranha que me deixa com "mix feelings", não digo amor/ódio... talvez raiva/ódio, mas lá no fundo, bem no fundo tenho uma certa admiração por este homem. É o mesmo tipo de sentimento que tenho pelo Tony Soprano. É das poucas personalidades que caricaturei mais do que uma vez. Esta foi a primeira. Aqui vai também o esboço.
Pinto da Costa

O homem do momento, o homem de quem se fala. Há muito tempo, tempo de mais para os adeptos não portistas, que o Pinto da Costa é o homem do momento e o homem de quem se fala. Já não há pachorra!
Está para o futebol como o Mário Soares está para a política e está para o FC do Porto como o Cunhal esteve para o Partido Comunista. O seu mandato é interminável. É o Fidel Castro cá do sítio, mas ao contrário deste último está pronto para as curvas, firme e hirto que nem uma rocha. E quanto mais lhe batem e lhe atiram pedras mais força e “super- poderes” parece ter.
Já ganhou tudo o que havia para ganhar, várias vezes. Já fez gato sapato de não sei quantos presidentes do Sporting e do Benfica. Já proporcionou férias no Brasil a não sei quantos árbitros. Já me deu tantos desgostos desportivos na vida que me transformaram num adepto pessimista, maldizente e macambúzio.
Assisti a muitos jogos de futebol de inqualificável aldrabice. Ver um jogo da nossa liga é como assitir a um combate de “wrestling”. Está tudo combinado e sabemos que no fim ganha o FC Porto. A liga Albanesa deve ter mais interesse.
Estas lamentações são típicas de um adepto do Sul, frustrado, invejoso e sedento de vitórias. Se fosse um homem do Norte, de barriga cheia, a conversa seria outra.
Com ou sem apito dourado, o mérito dos resultados desportivos do clube das Antas vai inteiramente para Jorge Nuno Pinto da Costa. Deviam fazer-lhe uma estátua como o Benfica fez com o Eusébio. Este homem não é do Norte, é de outro planeta. Antes dele aparecer o FC do Porto andava a mendigar. Não ganhava nada. Se tivesse calhado ser presidente do Gil Vicente, a história das últimas décadas do futebol português teria sido outra. Uma coisa é certa, o clube de Barcelos não teria descido de divisão à conta do Mateus.
Há que reconhecer o seu valor. É um adversário temível que dá a cara, a pele e o couro cabeludo pelo seu clube do coração. Joga ao ataque com um discurso bairrista, sarcástico e provocador. Ninguém o consegue dobrar. Muitos jornalistas tentaram em vão encostá-lo à parede. São sempre vítimas do sua ironia trituradora. Só alguém que não bata bem da cabeça é que daria o título “Largos Dias têm Cem Anos” ao seu livro autobiográfico. Por falar em livros não podia deixar passar o “Eu Carolina” sem um comentário. Foi um acto reles, medonho, inqualificável. Por mais revelador que seja o conteúdo, a intimidade é sagrada. Diz tudo sobre a pessoa que o pratica. E diz tudo sobre um país o facto desta bosta de livro ser o número um nos tops de vendas. Estou 100% solidário com o Pinto da Costa nesta questão. E também estou 100% solidário com os seus problemas de flatulência. Pois qualquer homem que se preza manda as suas bombas de vez em quando.
Acredito que um homem é inocente até ser provada a sua culpa. Mas há muito fumo à volta de Pinto da Costa que tem de ser investigado. Temos de acreditar na justiça! (Esta foi a melhor piada de todas). Justiça… Ah, Ah, Ah!

11 comentários:

Vídeo Man disse...

Concordo em absoluto com o texto.
O gajo é um porco odioso, mas é bom, isso é que chateia...
Enquanto ele lá estiver bem podemos espernear que só vamos ganhando umas migalhas...
Um abraço

Anónimo disse...

Excelente artigo, como de costume. Mas tomo a liberdade de sugerir novas caricaturas para cada tema, pois não é a primeira vez que um artigo teu começa com um "esta caricatura já é antiga". Queremos obras primas novas !
Abraço, MPS.

Francisco Martins disse...

Óptimo post! A caricatura está excelente, como sempre.

Francisco Martins
www.subversivetales.blogspot.com
www.subversivetales.com

Anónimo disse...

Querido Amigo,

É um artigo amargurado, raivoso, não odioso (conheço-te suficentemente para o afirmar), tendencioso e invejoso.

Gostaria só de saber como é que no plano internacional conseguimos (sim eu sou Portista, Nortista e Bairrista) as glórias que temos.

Expliquem-me tb pq é que os jogadores chegam ao FCPorto e parce que rendem o dobro (droga ainda não consta).

Trabalhem jovens, criem estruturas organizativas fortes, não se mordam permanentemente, não despeçam homens sérios, acabem com os tiques pseudo-aristocráticos, esses tinha o vosso fundador e mais um ou dois, o resto é mediocre.

Fica com o meu abr e com as minhas alegrias, eu divido as tuas tristezas.

Teu

Luís M. Gagliardini Graça

J.BOSCO disse...

excelente caricatura amigo Pedro!
belo trabalho!!
parabéns!
abraços

Manel Jardim disse...

Boa Pedro. Mais uma excelente caricatura. Este "homem" é o simbolo vivo do bairrismo negativista, dos capangas tipo guarda Abel e Reinaldo Teles, do não olhar a meios, da corrupção, da falta de caracter. Prefiro ser triste, verde e recto. Um abraço.

andré abreu disse...

olá pedro!! seus trabalhos são excelentes amigão!!

te convido a visitar meu blog

um grande abraço

PRF - Traços Gerais disse...

Caros amigos,

Peço desculpa ao vídeo Man ter avançado no último post sem o seu comentário. Não volta a acontecer.

Ao MPS, Francisco Martins, Luís Graça, J.Bosco, Maneul Jardim e André Abreu apareçam sempre por aqui que isto só tem graça com comentários.

Um abraço a todos!

Gon disse...

Muito bom caro Pedro, esse "olhar" à Padrinho italiano tá muito bem apanhado!
Também já o fiz em tempos, mas devo dizer que já é tempo de fazer um "update".. quem sabe para breve.

Abraços
G

Anónimo disse...

Também eu, lagarto empedernido, tenho inveja dos portistas, com a chegada do P.C. ao seu clube.

Quem me dera ter assim um presidente. Apesar de todos os defeitos...

A primeira coisa inteligente que ele fez (e que poucos recordam...) foi transformar os Andrades em Dragões...

Cumprimentos

José Menezes

manam disse...

comento o comentário desse "manuel jardim", qual fadista triste e corno/dolorido...